Pesquisar este blog

segunda-feira, 18 de junho de 2012

Série Espera: Dizendo Adeus ao Namoro


Nunca se falou tanto sobre espera pelo casamento, pela pessoa separada por Deus como agora. Mobilizações sobre o tema têm milhões de adeptos, pessoas que pregam sobre o isso fazem grande sucesso. A juventude cristã realmente resolveu esperar pela pessoa que Deus escolheu.
Ironicamente, nunca vi tanta impaciência, principalmente vinda dos adolescentes, que deveriam ser os mais tranqüilos com a situação, afinal, nem se quisessem, poderiam casar agora.
Sendo sincera, até pouco tempo atrás eu estava bem angustiada com essa espera. Eu aceitei que deveria esperar, mas não estava feliz com aquilo, até que comecei a ler um livro chamado “Eu Disse Adeus Ao Namoro”. O titulo é bem radical, mas o livro é surpreendente. Deus o tem usado pra me tranqüilizar e mostrar no que realmente consiste essa espera e porque ela é existe.
O prefácio do livro [escrito pela Rebecca St. James!] já me fez questionar algumas das minhas idéias sobre esse tema e sintetiza bastante a proposta do livro. Como a Rebecca diz, “- Por que sair para fazer compras se você não tem a intenção de comprar nada?”, ou seja, “- Porque namorar se você não tem a intenção de casar?!”
Na nossa sociedade o namoro foi totalmente banalizado e é tido como algo quase essencial na vida da juventude. Experimente pegar uma revista teen e ler o sumário, você vai perceber que nesse meio namorar ou pelo menos pretender namorar em pouquíssimo tempo é tido como característica da adolescência.
O pior nessa situação é que essa idéia afetou a Igreja. Quantas vezes você já viu colegas cristãos que terminaram um namoro e logo depois começaram outro e terminaram e começaram outro [e assim sucessivamente]?! Talvez até quem anda fazendo isso seja você.
Eu percebi que grande parte da nossa juventude não entendeu que o namoro é uma preparação pro casamento e não apenas um passatempo sem compromisso. Pelo contrário, um namoro tem muitos compromissos, muitas responsabilidades, muitos “nãos” a coisas que você gosta a serem ditos...
O fato é que na nossa idade ainda não estamos maduros o suficiente pra ter um namoro. A simples idéia de querermos tanto um relacionamento prova essa imaturidade. Eu falo isso com propriedade, pois ainda estou amadurecendo e vejo algumas idéias que tinha há poucos meses sobre esse tema [que você provavelmente também tem ou teve] como grandes absurdos.
O meu convite é que você dedique algum tempo pra ler esse livro, que é todo embasado na Bíblia e conversar com Deus sobre esse assunto, Ele certamente tem coisas maravilhosas pra te contar.

God Bless You!

Nenhum comentário:

Postar um comentário